Pode parecer uma tarefa difícil, mas reunir o capital necessário para adquirir uma casa ou apartamento é possível — embora dependa de um bom planejamento e de muito foco. Saber priorizar gastos, enxugar despesas e perseguir metas são pontos fundamentais para o sucesso nessa empreitada.

Para a maioria dos brasileiros, não há alternativa. Como adquirir a casa própria à vista é uma realidade para poucos, resta ter de determinação para economizar. Neste post, apresentaremos uma série de dicas para ajudá-lo a descobrir como juntar dinheiro para comprar um imóvel. Confira:

Faça um bom planejamento

Não é exagero dizer que o sucesso ao poupar para comprar um imóvel é resultado direto do planejamento de toda a operação. Antes de definir a economia necessária, é preciso saber exatamente quanto, como e quando será feito o investimento.

Em outras palavras, você deve ter bem claro qual é o valor que precisa guardar e em quanto tempo pretende comprar o imóvel para, depois, determinar a melhor forma de juntar a quantia necessária. Só assim você poderá ter sucesso e realizar o sonho de adquirir sua casa própria.

Escolha o perfil do imóvel

O primeiro passo em seu planejamento pode ser, justamente, definir o quanto precisará investir. Para fazer isso, é preciso determinar qual tipo de imóvel deseja adquirir. Seu objetivo é morar em uma casa ou em um apartamento? De qual tamanho? Quantos quartos? Em que localização?

Uma vez definido o perfil do imóvel, você poderá estimar o valor que precisa guardar. Trata-se da sua meta de poupança.

Defina um prazo para a aquisição

Além de definir o tipo de imóvel, é importante determinar um prazo para comprá-lo. Isso vai depender de uma série de variáveis.

Algumas pessoas estabelecem o final do contrato de aluguel da casa onde vivem como o prazo para comprar seu imóvel, por exemplo.

Definidos o valor necessário para a compra do imóvel e o tempo desejado para realizar o negócio, é possível calcular o quanto será preciso economizar por mês ou por ano, dependendo do seu planejamento. É hora de estabelecer de que forma você efetivamente vai economizar para adquirir sua casa ou apartamento.

Acabe com as contas

Podemos dizer que a primeira conquista de quem deseja realizar um grande projeto financeiro é controlar as contas e pagar as dívidas. Esses compromissos minam sua capacidade de controlar as finanças e são um grande obstáculo para a economia necessária à compra de um imóvel e na hora de se obter crédito ou subsídio para a compra de um imóvel.

Podemos dividir essas contas em dois tipos. O primeiro reúne os débitos maiores, como o financiamento do carro. Eles têm valores mais elevados e um peso importante em seu orçamento — mas não são o único problema.

O segundo grupo de dívidas é formado por pequenos débitos — que se acumulam a partir da variedade de formas de financiamento de produtos e serviços que o mercado oferece. Crediário, cartão de crédito, cheque pré-datado, débito parcelado, enfim, todas essas modalidades de pagamento constituem uma grande armadilha.

Com o crédito facilitado, o parcelamento do débito faz com que todas as despesas pareçam pequenas. Contudo, quando somadas, elas engessam seu orçamento. Se livrar delas é essencial para o sucesso da sua economia!

Rastreie as oportunidades de economizar

À primeira vista, pode parecer que seu orçamento familiar não tem margem para cortes que representem uma economia consistente. No entanto, é sempre possível encontrar pequenas oportunidades de racionalizar despesas, mesmo sem radicalismos extremos.

Você pode, por exemplo, diminuir os gastos com a alimentação por meio de delivery — o que sempre tem um custo elevado. Se conta com um sistema de TV por assinatura, verifique se utiliza realmente tudo o que o seu pacote de canais oferece ou se é possível trocá-lo por outro mais em conta.

Avalie também se é possível reduzir contas como água e luz apenas mudando alguns hábitos, como o banho demorado. Você provavelmente vai se surpreender com a quantidade de oportunidades de economia que encontrará.

Reserve parte de sua renda

Contratar um financiamento imobiliário significa assumir um compromisso financeiro que lhe acompanhará por um bom tempo. Que tal antecipar esse comprometimento e estabelecer uma meta mensal de economia?

Os especialistas em finanças recomendam um teto de 30% para os gastos com o financiamento imobiliário. Você pode começar suas economias com um percentual menor e, depois, ir elevando-o gradativamente. Além de juntar o capital, você já adapta suas rotinas à limitação de despesas que terá no futuro. Interessante, não?

Aplique suas economias

O esforço para reduzir despesas e guardar algum dinheiro a cada mês pode ser enorme e, mesmo assim, insuficiente para concretizar seus planos — especialmente se você deixar o dinheiro guardado na poupança, onde o rendimento é praticamente nulo.

O ideal é investir o dinheiro economizado em alguma aplicação financeira com melhores rendimentos. Atualmente, o mercado oferece diversas opções de risco baixo ou moderado que podem ser bem mais atraentes que a tradicional poupança. Não hesite em buscar ajuda profissional para realizar esse investimento.

Prepare-se para as emergências

O fato de estar focado em economizar para um grande projeto como a compra de um imóvel não o torna imune às emergências financeiras. No entanto, se você estiver prevenido, poderá passar por elas com o menor prejuízo possível aos seus planos.

Manter uma reserva para algum tipo de emergência pode resguardar o seu planejamento, além de proteger você e sua família. O ideal é que essa quantia esteja guardada em uma conta ou em um investimento de altíssima liquidez, de modo em que você possa sacá-la imediatamente em caso de necessidade, evitando contrair alguma dívida para a solução do problema.

Essas foram algumas dicas que você precisa avaliar caso esteja tentando descobrir como juntar dinheiro para comprar um imóvel. Lembre-se de que a estratégia ideal para economizar varia de pessoa para pessoa. O fundamental é encontrar a melhor forma para fazer a sua poupança e, assim, realizar o sonho da casa própria.

Agora que você já sabe como começar a economizar para comprar um imóvel, que tal ver nosso outro post sobre o que é preciso para adquirir seu primeiro apartamento?

Powered by Rock Convert
Venosa
Autor

Blog da Venosa. Tudo para Realizar o Sonho da Casa Própria, dentro das faixas do Minha Casa Minha Vida.

Escreva um comentário

Share This